Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
16
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
arquivos
2014
2013
2012
2011
2010
2009
Posts mais comentados
18
Dez
09

 

publicado por Drª Catarina Cunha às 10:45
15
Dez
09

 Segundo Chefe Hélio Loureiro o bacalhau deve-se cozinhar da seguinte forma:

1- Levar a água a ferver ;

2-Colocar o bacalhau e desligar logo após;

3. Deixar durante 15 minutos.

 

Desta maneira evita com que as lascas do bacalhau se desprendam :)

 

Experimentem!

publicado por Drª Catarina Cunha às 15:57

 Retirado de: 4 de dezembro de 2009 (Bibliomed). 

 

"Os cabeleireiros e outros profissionais do ramo têm maior risco de câncer do que a população geral, segundo estudo recentemente publicado no International Journal of Epidemiology. Segundo os pesquisadores, isso ocorre porque esses profissionais estão cronicamente expostos a um grande numero de produtos químicos em seu ambiente de trabalho, incluindo carcinogênios em potencial nas tinturas.

Pesquisadores espanhóis analisaram estudos sobre o risco relativo estimado de câncer em cabeleireiros e outros profissionais do ramo, obtidos em diversas bases de dados, como o Medline, além de consultas aos trabalhos referenciados e aos autores. Avaliando um total de 247 estudos, os pesquisadores estimaram um risco relativo combinado dos diversos estudos específicos da exposição ocupacional como cabeleireiro de 1,27 para câncer de pulmão, 1,52 para câncer de laringe, 1,30 para câncer de bexiga e 1,62 para mieloma múltiplo. As análises indicaram que o aumento no risco de outros tipos de câncer foi bem menor.

 

Os resultados de estudos realizados antes do banimento de dois dos maiores agentes carcinogênios presentes em tintas para cabelo em meados dos anos 70 foram semelhantes aos resultados gerais. Baseados nos resultados, os especialistas sugerem a emergência de medidas para reduzir a exposição desses profissionais a substâncias causadoras do câncer. "Uma melhoria no sistema de ventilação nos salões de beleza, e a adoção de medidas higiênicas com o objetivo de reduzir a exposição aos carcinogênios em potencial no trabalho podem reduzir esse risco", destacaram os autores."

 

Fonte: International Journal of Epidemiology. Volume 38, Number 6, 2009. Pages 1512-1531

 

publicado por Drª Catarina Cunha às 14:25
12
Dez
09

Life Extension Daily News:  

Xinhua News Agency

12-09-09

WASHINGTON, Dec 08, 2009 (Xinhua via COMTEX) -- As little as 15 minutes of exercise a day can reduce overall mortality rates in patients with prostate cancer, according to findings presented at the American Association for Cancer Research Frontiers in Cancer Prevention Research Conference, held Dec. 6-9 in Houston.

"We saw benefits at very attainable levels of activity," said Stacey A. Kenfield, epidemiology research associate at the Harvard School of Public Health and lead author of the study. "The results suggest that men with prostate cancer should do some physical activity for their overall health."

Researchers assessed physical activity levels for 2,686 patients enrolled in the Health Professionals Follow-up Study, both before and after diagnosis (men with metastases at diagnosis were excluded).

Men who engaged in three or more hours of Metabolic Equivalent Tasks a week -- equivalent to jogging, biking, swimming or playing tennis for about a half-hour per week -- had a 35 percent lower risk of overall mortality.

Specific to walking, the researchers found that men who walked four or more hours a week had a 23 percent lower risk of all-cause mortality compared to men who walked less than 20 minutes per week. Men who walked 90 or more minutes at a normal to brisk pace had a 51 percent lower risk of death from any cause than men who walked less than 90 minutes at an easy walking pace.

Walking didn't show any effect on prostate cancer specific mortality, but more strenuous exercising did. Men who engaged in five or more hours of vigorous physical activity a week were at a decreased risk of dying from their prostate cancer.

"This is the first large population study to examine exercise in relation to mortality in prostate cancer survivors," said Kenfield. Previous studies focused on how exercise affects risk of developing prostate cancer. Kenfield said that researchers aren't sure of the exact molecular effects exercise has on prostate cancer, but exercise is known to influence a number of hormones hypothesized to stimulate prostate cancer, boost immune function and reduce inflammation.

"How these factors may work together to affect prostate cancer biologically is still being studied," she said. "For now, our data indicate that for prostate cancer survivors, a moderate amount of regular exercise may improve overall survival, while five or more hours per week of vigorous exercise may decrease the death rate due to prostate cancer specifically."

publicado por Drª Catarina Cunha às 16:33
03
Dez
09

 Aqui pode encontrar os beneficios em inserir canela no seu dia a dia alimentar.

http://www.whfoods.com/genpage.php?tname=foodspice&dbid=68

 

publicado por Drª Catarina Cunha às 17:08

 

Atenção fãs de calças justas, o seu uso e abuso pode ser prejudicial para a sua saúde

Foi a CBS, a famosa cadeira televisiva norte-americana, que lançou o alerta. O abuso das tão requisitadas calças pode provocar o "síndrome da calça justa"(ou meralgia parestésica, para citar o nome científico correcto).

De acordo com uma neurologista contactado pela referida reportagem, a pressão constante dos jeans apertados pode comprimir e lesar um nervo na coxa, causando dores fortes e dormência.

Este é um problema muito comum nas mulheres grávidas ou obesas por causa da pressão extra nas pernas, ou em bombeiros, polícias e pedreiros, profissionais que usam cintos pesados nos quadris.

A ideia não é banir as tão elegantes skinny do seu guarda-fato mas alternar o seu uso com outras calças mais soltas, de modo a não criar habituação ou causar outro tipo de problemas.

fonte: sapo mulher

publicado por Drª Catarina Cunha às 15:34
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
https://yaconportugal.com/
BoasOnde posso comprar a batata yacon em Portugal?...
Gostei muito do artigo porque fala do impacto da a...
excelente artigo! muito obrigado, todos estamos su...
Como ninguém comenta... Eu concordo plenamente. Ma...
blogs SAPO